GOTO statement, GOTO, instrução

Instrução de controle usada nos programas com a finalidade de transferir a execução para outra instrução. O equivalente de alto nível de uma instrução de salto ou desvio. A maioria dos teóricos e profissionais da informática condena o uso da instrução GOTO nos programas, e algumas linguagens (como o Modula-2) sequer suportam a instrução GOTO. Um dos motivos para se evitar a instrução GOTO é impedir que os programadores a utilizem como substituto para um estilo de programação claro e estruturado. Outro problema da instrução GOTO é o fato de que ela viola a estrutura de blocos utilizada pelas instruções modernas de controle de fluxo, dificultando a tarefa de otimização do código pelos compiladores. Ver também branch instruction (instrução de desvio); jump instruction (instrução de salto); spaghetti code (macarronada, emaranhado de código).
+
..
../..