central processing unit, unidade central de processamento

Usa-se, principalmente, a abreviatura (inclusive em português, onde UCP é um termo raro). A unidade de processamento e controle do computador; o dispositivo que interpreta e executa as instruções. Os mainframes e os primeiros minicomputadores dispunham de placas cheias de circuitos integrados que formavam a unidade central de processamento. Unidades de processamento montadas em um único chip, denominadas microprocessadores, possibilitaram o aparecimento dos microcomputadores e das estações de trabalho. Exemplos de em um único são os chips Motorola 68000, e 68030, e os chips Intel 8080, 8086, 80286, 80386, e i486. A – ou microprocessador, no caso de um microcomputador – é capaz de buscar, decodificar e executar instruções, e trocar informações com outros componentes do computador através de sua principal via de dados, o barramento. Por definição, a é o que funciona como "cérebro" do computador. Entretanto, em alguns casos, usa-se o mesmo termo para fazer referência tanto ao processador quanto à memória, ou em um sentido ainda mais amplo, à própria console (em contraste com os equipamentos periféricos). Acrônimo: CPU. Ver também microprocessor (microprocessador).
+
..
../..