aproxima do eixo da coluna. Isto caus

a uma diminuição do braço de momento da resistência e uma conseqüente diminuição do torque. Como o posicionamento dos braços afeta o torque produzido pela resistência, os iniciantes devem começar o exercício com os braços cruzados à frente do peito (ponto onde o peso dos braços está mais próximo do eixo do movimento). O uso de pesos apoiados no peito não é muito interessante, porque, quando o executante começa a flexão da coluna, o peso fica muito próximo do eixo do movimento. Neste ponto, o peso exerce mais uma pressão sobre as vísceras do que gera torque no sentido contrário à contração dos músculos abdominais. A maneira mais eficiente é segurar o peso pelas mãos e distanciá-lo o máximo possível da coluna (pela flexão do ombro e pela extensão do cotovelo, como na figura). O primeiro movimento que acontece, quando o abdome se contrai para fazer a flexão da coluna, é uma retroversão da pelve. Esta retroversão é seguida de flexão da coluna lombar, que passa a ficar totalmente apoiada no chão, aumentando, assim, a base de suporte e facilitando também a total flexão da coluna torácica. Flexão da Coluna no Aparelho Este exercício tem a vantagem de poder aumentar muito mais a intensidade através da sobrecarga, que pode chegar a valores bem mais altos que no exercício anterior. Os músculos do abdome devem ser exercitados como qualquer outro músculo do corpo, então, para hipertrofiá-los, as sobrecargas devem ser altas e o número de repetições, conseqüentemente, menor. Esta intensidade só é conseguida em exercícios com aparelhos.