O punho deve permanecer na posição ana

tômica em todo o movimento para diminuir o risco de lesão nesta articulação. A extensão passiva do punho durante o movimento desfavorece a relação força-comprimento para os flexores do punho que, com isso, diminuem sua capacidade de preservar a integridade da articulação. Isto aumenta o risco de lesão para o punho. Este aparelho traz a vantagem de o executante poder realizar uma extensão do cotovelo com sobrecarga, na posição em pé. Há uma exigência de equilíbrio durante o movimento e isto contribui para a contração dos músculos estabilizadores. Extensão Unilateral do Cotovelo Análise biomecânica do exercício O maior braço de momento da resistência acontece quando o antebraço está paralelo ao chão. No momento em que a sobrecarga se alinha abaixo do cotovelo, não existe braço de momento para a resistência. O componente translatório contribui para a estabilidade da articulação em toda a amplitude do movimento.